[Acesso Rápido]
 
[Matérias Especiais]
[Principal]






 
>Blog do Patrimônio
>Brindes
>Busca no Site
>Fale Conosco
>Projetos
>Trapiche
>Mapa do Site
MATÉRIAS ESPECIAIS | São Pedro

Antes de se tornar um dos doze discípulos de Jesus, Pedro foi pescador e chamava-se Simão.

Segundo a tradição geralmente aceita, Simão nasceu em Betsaida e morava em Carfanaum. No Evangelho de Lucas, 5:1-11, o encontro entre as duas principais figuras do cristianismo, deu-se quando, acompanhado por uma grande multidão, Jesus se aproximou de algumas barcas que estavam embicadas na praia do lago Genezareth. Um grupo de pescadores achava-se então lavando suas redes: eram Simão, João e Tiago.

Jesus dirigiu-se a Simão, pedindo-lhe para subir em uma das barcas, de modo a melhor poder falar às pessoas. Simão consultou seus amigos e concordou. Jesus subiu em um dos barcos e este foi afastado um pouco da margem.

Ao final da pregação, Jesus disse a Simão que fosse pescar com suas redes onde as águas fossem mais profundas. Simão explicou que ele e seus companheiros haviam tentado fazer isso durante a noite toda, mas nada conseguiram. Entretanto, atenderia ao pedido de Jesus.

O resultado foi uma pescaria excelente. Tomado de grande espanto, Simão ajoelhou-se humildemente diante de Jesus e pediu para que este se afastasse dele, um pecador. Jesus, entretanto, encorajou-o a segui-lo, dizendo que o tornaria um pescador de homens.

Conforme ensinam os Evangelhos, Simão foi o primeiro discípulo a professar a fé de que Jesus era o filho de Deus. Em Mateus 16:13-23, Jesus pergunta a seus discípulos reunidos: “E vós, quem pensais que eu sou?”. Simão responde-lhe: “És o Cristo, Filho de Deus vivo.”. Jesus disse-lhe então: “Simão, filho de Jonas, és um homem abençoado! Pois isso não te foi revelado por nenhum homem, mas pelo meu Pai, que está no céu. Por isso te digo: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e o poder da morte não poderá mais vencê-la. Dar-te-ei as chaves do Reino do Céu, e o que ligares na terra será ligado no céu, e o que desligares na terra será desligado no céu.”.

Daí São Pedro ser comumente representado carregando um molhe de chave na mão.

São Pedro é o mais citado dos discípulos nos Evangelhos. Em Mateus 26:30-35, é contado que, no Monte das Oliveiras, antes de ser preso naquela mesma noite, Jesus revelou que seus discípulos seriam dispersos, abandonando-o. Pedro foi enfático ao afirmar que jamais faria isso, ao que Jesus declarou tristemente: “Garanto-te que esta noite, antes que o galo cante, me negarás três vezes.”

E assim aconteceu. Mais tarde, ao observar de longe o julgamento de Jesus no átrio do sumo sacerdote Caifás, Pedro foi apontado como um dos seguidores de Jesus por várias pessoas. Acossado, nega por três vezes que conheça ou siga Jesus, conforme havia sido previsto. Quando o galo canta, Pedro então se recorda das palavras do Mestre e chora amargamente.

No Evangelho de João é contado que, após a ressurreição, Cristo apresenta-se a Pedro e pergunta-lhe por diversas vezes se ele o ama. Finalmente lhe diz: “Cuida das minhas ovelhas. Em verdade te digo: quando eras mais novo cingias o cinto e ias para onde querias. Quando fores mais velho, estenderás as mãos e será outro a cingir-lhe o cinto, levando-te para onde não queres.”

São Pedro sai pelo mundo evangelizando. A tradição coloca-o como primeiro chefe da Igreja e o primeiro bispo de Roma. Ao tempo das perseguições promovidas contra os cristãos, provavelmente durante o reinado do imperador Nero, São Pedro decidiu fugir de Roma.

Apresentado como sendo dono de uma personalidade vacilante, conta-se que, durante a fuga, São Pedro encontrou-se com Jesus sob a forma de uma criança, e que este, ao ser perguntado para onde se dirigia, respondeu que para Roma, onde seria martirizado uma segunda vez na arena, acompanhando suas ovelhas.

Envergonhado e arrependido, São Pedro retornou a Roma, foi capturado e crucificado na Colina Vaticana, mas fez uma exigência final: por não se considerar digno de morrer como Jesus, pediu para que o crucificassem de pernas para o ar.

 

Iconografia




[São Pedro cura um leproso, pintura do século IV d.C.]


 






NOVIDADES DO SITE
 
Novo Blog

Foi lançado o novo blog do Patrimônio. Mais abrangente, com uma nova linha editorial e novo layout. Clique aqui.
 
Trapiche

A loja do site já está no ar - você já pode adqurir fotos e postais exclusivos
.
 
EM BREVE
 
Central de Notícias

Informação em tempo real numa parceria do Patrimônio com o G1, o maior portal de notícias da América Latina.
 
Site do Burunga

Cruel? Maldosa? E daí? A arte do riso é hilária.
 
Canal Curumim

Um canal com conteúdo todo direcionado para crianças - jogos, diversão, histórias, brindes, piadas e muito mais.
 
+ Projetos
Clique aqui

Principal   |   A Cidade   |   Athína   |   Cultura & Folclore   |   Matérias Especiais
Museu de Imagens   |   Sala de Imprensa   |   Agenda   |   Serviço   |   Novidades
Termos & Condições  |   Política de Privacidade  |  Sobre o Patrimônio |  Anuncie Conosco |  Créditos 
Copyright © Eduardo Abrahão - Todos os direitos reservados